APRHOPE lamenta a perda de Carmen Barcellos

Capa matéria
Confira a programação da Rota da Cachaça no 14º Festival Gastronômico e Cultural de Prado
18 de outubro de 2019
Vencedores 14º Festival
Conheça os vencedores da 14ª Edição do Festival Gastronômico e Cultural de Prado
3 de dezembro de 2019

APRHOPE lamenta a perda de Carmen Barcellos

A equipe do Parque Nacional do Descobrimento, Unidade de Conservação do município de Prado, comunicou o falecimento da servidora Carmen Vera Marques Barcellos, chefe substituta desta Unidade de Conservação e analista ambiental, ocorrido na manhã de hoje, em decorrência de complicações cirúrgicas.

WhatsApp Image 2019-11-20 at 16.42.19

Carmen Barcellos (Foto: Arquivo pessoal)

Carmen era gaúcha, bióloga, com 35 anos no serviço público, iniciou a carreira na Superintendência da Pesca (SUDEPE), passou pelo IBAMA e estava no Instituto Chico Mendes (ICMBio), desde sua criação em 2007.

Chegou em Prado na década de 90, à pedido do Juiz Dr. Júlio e da APPA, com o projeto Manguezal. Na época, ainda não era IBAMA.
Em 2000 foi montado um escritório para ela no NEAM, onde atualmente funciona a Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

WhatsApp Image 2019-11-20 at 16.43.20

No seu 1º Escritório do IBAMA, no NEAM em Prado (Foto: Arquivo APPA)

“Ela ficou conosco durante a construção do NEAM, fez um viveiro de mudas de mangue, plantou as mudas etc.” Diz Adriana Rabello, proprietária da Pousada Guaratiba e presidente da APPA ( Associação Pradense de Proteção Ambiental), na época.

Quando FHC criou o Parque Nacional do Descobrimento, o escritório virou IBAMA e, desde então, ela foi incansável na luta contra desmatamento, criação do plano diretor do parque, construção da sede do parque, abertura para visitação no parque, cuidados com a Resex, formação de brigadistas, condutores de turismo etc.

“Ela cumpriu de forma exemplar a missão de implementar o Parque Nacional no município de Prado.” Completa Rafael Rossatto, chefe do Parque.

Foram 20 anos de serviços prestados no Parque.

DSCN1440

                Carmen ao centro, ladeada pelo chefe do PND e presidente da APRHOPE na época, brigadistas,                                                                Carlão do Meio Ambiente e Capitão Divaldino                                                                         (Foto: Arquivo APRHOPE)

Osvaldo Santos, presidente da APRHOPE, lamenta a perda.“Ela zelava pelo Parque como se fosse o quintal da sua casa” e complementa: “Nossos profundos sentimentos, que Deus ilumine e conforte a família de nossa amiga Carmen, em nome da APRHOPE e seus associados!”

Wander Noronha, Secretário de Turismo, Esporte e Cultura diz que “é uma perda muito grande não só para família e os amigos, mas para o Parque Nacional do Descobrimento e também para o Turismo.
Hoje é uma realidade termos este atrativo aberto, mesmo que esporadicamente, não só ao visitante, como à toda comunidade. Lembraremos dela com carinho, por este legado, que em grande parte, ela contribuiu.” finaliza Noronha.

WhatsApp Image 2019-11-20 at 13.09.18

Com Wander Noronha, Secretário de Turismo, no Aniversário do PND.

O velório será realizado hoje (20/11) à partir das 19:30h, na Câmara Municipal de Vereadores de Prado e o enterro amanhã (21/11) às 10h no Cemitério de Prado.

Por: Tatiana de Noronha
Contribuições: Adriana Rabello e ICMBio

Comentários estão fechados.